【澳门中葡经贸论坛】首场“传统医药应对疫情网络研修班”圆满举办 分享抗疫经验、推进互学互鉴

2021-11-30 15:37 浏览次数:4748

由中葡论坛(澳门)常设秘书处主办、粤澳合作中医药科技产业园承办、澳门卫生局及中国国家中医药管理局支持的“传统医药应对疫情网络研修班”于北京时间2021年11月24日20:00在线举行开班仪式。中葡论坛(澳门)常设秘书处副秘书长丁恬、粤澳合作中医药科技产业园董事长兼行政总裁吕红、莫桑比克卫生部副部长Lídia de Fátima da Graça Cardoso及葡语国家代表参加了在线开班仪式并致辞。

丁恬副秘书长致辞

丁恬副秘书长致辞

Secretário-Geral Adjunto do Fórum de Macau, Dr. Ding Tian profere o seu discurso


丁恬副秘书长表示,传统医药领域是中葡论坛历届部长级会议《行动纲领》的重要内容,也是澳门经济适度多元发展的重要产业,中葡论坛常设秘书处一直高度重视。今年是粤澳中医药科技产业园连续第6年承办传统医药主题研修班。产业园作为澳门发展传统医药产业的重要载体,为中国与葡语国家搭建了传统医药领域的国际交流合作平台。随着《横琴粤澳深度合作区建设总体方案》的不断推进,产业园可借助横琴新发展机遇、背靠大湾区腹地,进一步助力中国和葡语国家传统医药领域的合作。

吕红董事长兼行政总裁致辞

吕红董事长兼行政总裁致辞

A Presidente e Directora-Executiva do Parque Científico e Industrial de Medicina Tradicional Chinesa para a Cooperação entre Guangdong e Macau, Dra. Lu Hong profere o seu discurso


本期研修班继续采用在线模式,自11月24日至30日先后分五场举办,并将延续去年的主题,与抗疫国际合作紧密结合,邀请医学专家和临床医生聚焦传统医药应对新冠肺炎后遗症的临床经验和治疗方案,并就传统医药日常保健和预防方法进行分享。冀与会各方学员和代表充分利用此次机会,深入探讨,互学互鉴,以交流促合作,继续深化传统医药在医疗技术、实际应用、临床经验推广等方面的合作,共同应对公共卫生挑战,为保障人民健康作出贡献。

莫桑比克卫生部Lídia de Fátima da Graça Cardoso副部长致辞

 莫桑比克卫生部Lídia de Fátima da Graça Cardoso副部长致辞

A Vice-Ministra da Saúde de Moçambique, Dra. Lídia de Fátima da Graça Cardoso profere o seu discurso


“传统医药应对疫情网络研修班”采用网络视讯直播模式进行,通过腾讯会议视频、Youtube、bilibili等新媒体平台直播。参加学员来自安哥拉、佛得角、几内亚比绍、莫桑比克、葡萄牙卫生医药领域的政府官员、技术人员等近200人。研修期间,由来自五个论坛与会葡语国家专家代表分别为学员进行讲座,介绍当地新冠肺炎疫情现状及应对措施。另外由澳门特区政府卫生局疾病预防控制中心林松主任介绍澳门地区防控新冠肺炎疫情的经验分享。各方参加人员并就防控疫情进行了深入交流、互动探讨,学员在了解中国内地和澳门疫情趋势及防疫抗疫经验的同时,更将借鉴传统医药辅助抗疫的互补性为本国应对疫情,共同推动疫后经济复苏。

研修班既是中国和各葡语国家并肩抗击疫情作出的努力,也是推动构建中葡命运共同体和发挥澳门平台作用的切实体现。

葡语国家代表发言

葡语国家代表发言

Os representantes dos PLP proferem discursos


传统医药应对疫情网络研修班宣传海报

 传统医药应对疫情网络研修班宣传海报

Os membros do Secretariado Permanente do Fórum de Macau participam na Cerimónia de Abertura do Colóquio Online 


Realizou-se com sucesso a 1.ª Sessão do Colóquio Online sobre o Uso de Medicina Tradicional no Combate à Pandemia de COVID-19

Partilha de Experiência no Combate à Pandemia e Promoção da Aprendizagem mútua

Inaugurou-se em 24 de Novembro de 2021, pelas 20h00 (hora de Pequim), o Colóquio Online sobre o Uso de Medicina Tradicional no Combate à Pandemia de COVID-19, evento que contou com a organização do Secretariado Permanente do Fórum de Macau, a coordenação do Parque Científico e Industrial de Medicina Tradicional Chinesa para a Cooperação entre Guangdong e Macau, e a colaboração dos Serviços de Saúde de Macau e da Administração Estatal de Medicina Tradicional Chinesa da China. O Secretário-Geral Adjunto do Secretariado Permanente do Fórum de Macau, Dr. Ding Tian, a Presidente e Directora-Executiva do Parque Científico e Industrial de Medicina Tradicional Chinesa para a Cooperação entre Guangdong e Macau, Dra. Lu Hong, a Vice-Ministra da Saúde de Moçambique, Dra. Lídia de Fátima da Graça Cardoso, bem como os representantes dos Países de Língua Portuguesa participaram na Cerimónia de Abertura do Colóquio e proferiram os seus discursos.  

O Secretário-Geral Adjunto, Dr. Ding Tian referiu que, o sector da medicina tradicional constitui não apenas uma parte integrante do Plano de Acção para a Cooperação Económica e Comercial assinado nas últimas edições da Conferência Ministerial do Fórum de Macau, como também uma indústria pilar em prol da diversificação adequada da economia de Macau, ao qual o Secretariado Permanente do Fórum de Macau tem atribuído grande importância.

Sublinhou que este ano é o 6.º ano consecutivo em que o Parque Científico e Industrial de Medicina Tradicional Chinesa para a Cooperação entre Guangdong e Macau se encarregou da realização do Colóquio na medicina tradicional. O Parque, enquanto uma base importante de Macau para desenvolver a indústria de medicina tradicional, tem contribuído para a construção da plataforma de intercâmbio e cooperação internacional nesta área entre a China e os PLP. À medida da implementação contínua do “Projecto Geral de Construção da Zona de Cooperação Aprofundada entre Guangdong e Macau em Hengqin”, o Parque pode aproveitar as novas oportunidades trazidas pelo desenvolvimento de Hengqin e as vantagens da Grande Baía, para promover ainda mais a cooperação na medicina tradicional entre a China e os PLP.       

O presente Colóquio continua a ser realizado de forma online, por 5 sessões, entre os dias 24 e 30 de Novembro, segue o mesmo tema da última edição do ano passado, focalizando-se na a cooperação internacional no combate à pandemia. À margem das sessões, serão convidados especialistas e médicos para partilhar experiências e planos terapêuticos pelo uso da medicina tradicional, em resposta às sequelas da pneumonia causada pelo novo tipo de coronavírus. Serão igualmente partilhados métodos de prevenção e da manutenção de saúde com proveito da medicina tradicional. Espera-se que os formandos e representantes possam aproveitar plenamente esta oportunidade para realizar discussões profundas e aprendizagem mútua, a fim de promover a cooperação via intercâmbio, continuar a aprofundar a cooperação na promoção do uso da medicina tradicional nas vertentes de tecnologia médica, aplicação prática e experiência clínica, etc., enfrentando em conjunto os desafios da saúde pública e contribuindo para a saúde dos povos.  

O Colóquio Online sobre o Uso de Medicina Tradicional no Combate à Pandemia de COVID-19 realiza-se de forma virtual e será transmitido em tempo real via plataformas online como VooV Meeting, Youtube, e Bilibili, contando com a participação de cerca de 200 formandos—funcionários públicos e técnicos na área de saúde e de medicina, provenientes de Angola, Cabo Verde, da Guiné-Bissau, Moçambique e Portugal.

Durante o Colóquio, cinco especialistas vindos de cinco países participantes do Fórum de Macau darão palestras aos formandos, apresentando as situações pandémicas locais e as medidas de resposta. Além disso, o Coordenador do Centro de Prevenção e Controlo da Doença, Dr. Lam Chong, irá fazer uma partilha de experiências sobre as práticas de prevenção e controlo da epidemia de COVID-19 adoptadas em Macau. Acredita-se que no presente Colóquio, os participantes de todas as partes realizarão abordagens profundas e discussões interativas em relação à prevenção e controlo da pandemia, o que permite aos formandos não só conhecerem a evolução pandémica e experiências na prevenção e no combate à pandemia, mas também aprenderem o papel complementar do uso de medicina tradicional no combate pandémico dos países próprios, de forma a contribuir para a recuperação económica no período pós-pandémico.  

O Colóquio constitui uma demonstração não apenas dos esforços pela China e pelos PLP no combate conjunto à pandemia, mas também dos empenhos na promoção da construção de uma comunidade sino-lusófona de futuro compartilhado e do desempenho do papel de Macau enquanto Plataforma.  


来源:澳门中葡经贸论坛